Monday, December 5, 2022
NotíciaO que é a técnica de transplante capilar DHI?

O que é a técnica de transplante capilar DHI?

A cirurgia de transplante capilar passou por grandes avanços tecnológicos em um curto espaço de tempo, contando hoje com técnicas cada vez mais modernas que proporcionam resultados naturais e duradouros.

O Implante Capilar Direto (DHI) é um desses métodos mais utilizados hoje para restauração dos fios. A técnica DHI foi criada a partir da técnica de Extração de Unidades Foliculares (FUE), em que os folículos capilares são extraídos de uma área doadora e transplantados na área receptora onde ocorreu a queda de cabelo. A cirurgia de extração é a mesma do método FUE, o que diferencia no caso da DHI é o processo de implantação.

Vamos entender melhor o que é essa técnica de transplante de cabelos e quais as vantagens? Confira na leitura deste artigo. 

Como funciona a técnica DHI?

No transplante capilar com o método DHI os folículos pilosos são retirados da zona doadora, ou seja, os tecidos que possuem cabelo são removidos cirurgicamente, e  em seguida implantados direta e simultaneamente na região receptora, o que causa bem menos impacto na integridade do couro cabeludo. O Implante Capilar Direto (DHI) é feito com anestesia local.

O procedimento é feito com a ajuda de um instrumento chamado Choi, que possui a forma de caneta e conta com um mecanismo de mola e uma agulha oca de 0,5-1,5 mm, localizada na ponta do implantador. Os folículos extraídos são imediatamente inseridos na caneta Choi que penetra na pele para a implantação dos mesmos, o que diminui o tempo dos fios fora do couro cabeludo, aumentando assim a taxa de sobrevivência dos folículos. O uso dessa ferramenta possibilita maior precisão ao cirurgião durante o transplante para inserir os enxertos com ângulos precisos, sem comprometer os tecidos circundantes.

Etapas do transplante capilar DHI 

O procedimento com o método DHI consiste em duas etapas, a remoção e a implantação dos folículos pilosos. A primeira fase, na qual o fio é extraído de uma região doadora com alta densidade folicular (normalmente a nuca, mas também pode ser a barba ou o peito masculino), é semelhante à técnica FUE, razão pela qual o transplante capilar DHI com a caneta Choi é considerado muitas vezes pertencente ao subgrupo de métodos FUE, como a FUE Safira ou a Micro FUE.

Os folículos extraídos são implantados diretamente, uma vez que a implantação capilar pela técnica DHI não exige nenhum armazenamento dos enxertos ou criação de uma região receptora com incisões. Os fios são introduzidos cuidadosamente pelos especialistas nas pontas das agulhas ocas de diferentes canetas Choi. O mecanismo de mola do implantador é ativado pressionando um êmbolo, fazendo com que a ponta da caneta em que estão os folículos pilosos atravesse o couro cabeludo para serem implantados. Este procedimento é repetido minuciosamente com cada enxerto, o que faz com que o transplante capilar DHI tenha uma duração média de 6 a 8 horas.

Benefícios do transplante capilar DHI

  • Não é necessário criar incisões na pele para os canais de implante dos folículos, o que diminui o trauma e o sangramento na área receptora.
  • Menor tempo de recuperação após o transplante de cabelo e de cicatrização das feridas.
  • Maior taxa de sobrevivência dos folículos extraídos, uma vez que praticamente não ficam fora do corpo.
  • Não é necessário armazenamento do tecido após a extração.
  • Não é necessário raspar previamente o cabelo da região doadora.
  • Mínimo dano aos tecidos circundantes do couro cabeludo.
  • Maior densidade de enxertos implantados.
  • Alto índice de sucesso no resultado do transplante dos fios.
  • Resultado final muito mais natural, pois o implante é feito manualmente e com melhor controle do ângulo e da profundidade.

Desvantagens da técnica DHI

  • Limite de até 4000 enxertos
  • Maior custo da cirurgia em razão do equipamento caro exigido.
  • Necessidade de um número de especialistas com grande experiência para a realização do transplante capilar. 
  • Demanda de um esforço meticuloso por parte da equipe médica.

Para quem é indicado o transplante de cabelos DHI?

O transplante capilar com a técnica DHI pode ser feito por homens  e mulheres adultos de qualquer idade, sendo necessário passar por um diagnóstico para avaliação da densidade capilar da área doadora e do número de folículos pilosos necessários para a área calva.

O fato do método DHI não necessitar que o paciente raspe a cabeça antes do procedimento possibilita principalmente as mulheres que possuem cabelos compridos de realizar o transplante dos fios, sem qualquer receio do pós-operatório.

O transplante de cabelos é o único tratamento definitivo e eficaz para o problema da calvície, sendo utilizado também para correção de falhas nas sobrancelhas, barba, bigode e outras partes do corpo. Apesar de geralmente ser utilizado para fins estéticos, o enxerto capilar também soluciona reparação de danos provocados no couro cabeludo por acidentes, traumas ou queimaduras, por exemplo.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here